31 de jul de 2018

166,5 mil alunos do Vale do Paraíba voltam às salas de aula da rede estadual nesta quarta, 01

As aulas das escolas estudais recomeçam nesta quarta-feira (1º) para 166,5 mil estudantes do Vale do Paraíba.
O calendário é o mesmo para nas unidades de ensino Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos. O Centro de Estudos de Línguas também retorna as atividades a partir de amanhã.
O fim das férias marca o início do segundo semestre, cujo cronograma segue até dezembro. Nos últimos dois dias, as equipes gestoras e professores estiveram reunidos para definir o planejamento escolar, incluindo as datas avaliações e entrega de trabalhos.

Matrículas
Quem estava fora da rede estadual no primeiro semestre, ainda pode fazer a matrícula. Basta comparecer a uma unidade de ensino com certidão de nascimento ou RG (registro geral). No caso dos menores de 18 anos, o cadastro deve ser feito por pais ou responsáveis. É aconselhável também a apresentação de comprovante de residência.

Com colaboração: Assessoria de Comunicação e Imprensa - Secretaria de Estado da Educação

25 de jul de 2018

Reunião do Conselho Comunitário de Segurança acontece nesta quarta-feira,25

O Conselho Comunitário de Segurança de Lorena- CONSEG- se reúne nesta quarta-feira, 25/07 a partir das 19h30 em sua 7ª Reunião Ordinária deste ano, na Casa da Cultura.
Na pauta, ações desenvolvidas pela Polícia Militar e pela Guarda Civil Municipal nos últimos meses em nossa comunidade.
As reuniões são públicas e abertas, sendo espaço para conhecer e debater o trabalho desenvolvido por todos na complexa questão da segurança pública.

A Casa da Cultura fica localizada pela rua Viscondessa de Castro Lima, n° 10, Centro.

24 de jul de 2018

Vale Portal atualiza mapa de Lorena

A empresa Vale Portal, líder no segmento de mapas, listas, guias e impressos na região, realiza atualização do mapa geográfico da cidade de Lorena/SP.
De acordo com o idealizador do projeto, Ralfer Brito, esta nova edição consta novos empreendimentos, bairros, condomínios residenciais que foram construídos no último ano e ainda que estão em fase de construção e ou concluídos e entregues nos próximos meses.
Com escala e padronização, de fácil leitura e localização, todo colorido e temático, o novo mapa consta além dos logradouros públicos,  os principais pontos turísticos, vias de acesso, ciclovias existentes, marcação de distância entre cidades, parques municipais, entre outros.
Para o motociclista Edvaldo Silva, conhecido como Balão, o mapa é um importante instrumento para localização correta dos endereços, na qual sempre vem utilizando para facilitar os serviços de entregas.
O mapa está à venda nas bancas de jornais no valor de R$15 reais.

Reprodução: Atualização novo mapa de Lorena pela Vale Portal

Reprodução: Detalhes do novo mapa de Lorena pela Vale Portal


Reprodução: Alguns outros mapas do portfolio da Vale Portal

20 de jul de 2018

Classificados- Aluga-se Ponto Comercial na Avenida Oswaldo Aranha

Aluga-se Ponto Comercial no início da Avenida Oswaldo Aranha, próximo da região central de Lorena/SP.
Com cerca de 30m², contendo dois espaços podendo ser feito uma recepção e um depósito ou cozinha, contendo também um banheiro.
Local seguro, piso fácil limpeza, com grades, totalmente reformado, excelente localização a 2 minutos a pé de um dos principais pontos de ônibus intermunicipais da cidade(ônibus para Cachoeira Paulista, Guará, Piquete, Sjcampos),  próximo a supermercado e farmácias.
Os interessados devem entrar contato direto com proprietário Joel, pelos telefones (12)3152-3230, ou pelo whatsapp (12) 12 98149-7053

Conteúdo comercial- a responsabilidade das informações é exclusiva do anunciante.





13 de jul de 2018

EDP e CCR Nova Dutra alertam sobre perigos de pipas nesta época de férias

Com a chegada das férias escolares jovens e crianças aproveitam o tempo livre para brincar e se divertir. Empinar pipas é uma das atividades de lazer realizadas neste período e nos bairros de municípios muito próximos da via Dutra, não é difícil as equipes de operação da CCR NovaDutra avistarem crianças e adultos empinando pipas nos canteiros laterais e trevos da rodovia, onde a brincadeira se torna um perigo.
Levantamento realizado pela EDP, distribuidora de energia elétrica do Vale do Paraíba, mostra que no período de férias escolares o volume de ocorrências envolvendo pipas no sistema elétrico aumenta, em média, 15%. Nos municípios atendidos pela Concessionária na região, durante o primeiro semestre de 2018, foram registrados 801 incidentes, dos quais 51% ocorreram em janeiro e junho.
Quando o semestre letivo termina, empinar pipas torna-se um dos passatempos preferidos de muitas crianças e jovens. Uma brincadeira saudável, mas que precisa de ser feita de forma segura para evitar acidentes e desligamentos da rede de energia. Marcos Scarpa, relações institucionais da EDP, reforça algumas orientações que são sempre lembradas nos projetos educacionais da Concessionária com a comunidade: “o recomendado é buscar espaços abertos, como parques, praças e campos onde não exista o risco de contato com os fios de energia”.
Em 2017 foram registradas 114 ocorrências relacionadas a pipas na via Dutra. Dessas, duas foram acidentes e uma resultou em fatalidade. Preocupada com o risco dessa prática a Concessionária realiza uma campanha educativa, com distribuição de 4 mil folhetos informativos e orientações às comunidades do entorno e aos comércios, além de veiculação de dicas de segurança na programação da CCRFM 107,5.
A entrega dos folhetos é realizada pelas equipes do SOS Usuário da Concessionária, que são treinadas para orientar as comunidades lindeiras. “A distração de uma criança correndo atrás de uma pipa ou até uma linha com cerol baixa na rodovia pode gerar acidentes graves para motoristas e pedestres. A CCR NovaDutra acredita que conscientizar a população é uma maneira eficaz de prevenir essas ocorrências”, salienta o gestor de Atendimento da CCR NovaDutra, Virgílio Leocádio.
Além do local adequado, é preciso cuidado com os materiais usados na confecção de pipas, como as rabiolas feitas de fios de nylon, que são cortantes e condutores de energia. Se encostarem nos cabos de alta-tensão, além da possível interrupção no fornecimento da energia, podem causar acidentes graves, queimaduras e até mortes. “É importante lembrar que o uso de cerol é extremamente perigoso e pode gerar multa ou a prisão de quem utiliza ou comercializa o produto”, completa Scarpa.

 
EDP -Ranking de ocorrências no Vale do Paraíba – 1º semestre de 2018 -
MUNICÍPIO
OCORRÊNCIAS
São José dos campos
169
Caraguatatuba
98
Taubaté
95
Pindamonhangaba
82
Lorena
79
Jacareí
76
Cruzeiro
47
São Sebastião
37
Guaratinguetá
34
Caçapava
20
Tremembé
18
Potim
13
Aparecida
12
Cachoeira paulista
11
Roseira
4
Santa branca
3
Canas
2
Jambeiro
1
Monteiro lobato
--

Principais dicas para empinar pipas de forma segura
· Alguns materiais utilizados na confecção de pipas são condutores de energia e aumentam o perigo quando estão em contato com a rede elétrica. Rabiola feita de fios de nylon é um exemplo;
· O uso de cerol (mistura de pó de vidro com cola) é proibido e pode acarretar em pagamento de multa pelo responsável. O cerol é um risco para motociclistas e pedestres e oferece perigo no contato com a rede de energia. Ao cortar a camada protetora da fiação, a linha interrompe a transferência de corrente elétrica, podendo provocar curto-circuito;
· Arremessar objetos na rede elétrica para o resgate da pipa pode causar graves acidentes. O “lança-gato” (pedras presas a uma linha) ou qualquer outro item condutor de energia não devem ser lançados sobre a rede;
· Empinar pipas em locais como lajes e muros deve ser evitado. A proximidade com a rede elétrica aumenta o risco de acidentes;
· É expressamente proibido invadir as subestações da EDP para recuperar pipas. Esses locais são energizados e somente pessoas autorizadas podem entrar nas estações.
• Empine pipas longe da rede elétrica e da rodovia;
• Procure espaços como parques, praças e campos de futebol;
• Cuidado com os ciclistas e motociclistas. As linhas podem não ser vistas, causando graves acidentes e até mortes;
• Não suba em lajes de casas para empinar pipas. Distrações causam quedas;
• É proibido o uso de cerol ou de qualquer produto semelhante que possa ser aplicado em linhas de papagaios ou pipas (Lei Estadual nº 12.192).

Com Colaboração: EDP- Mariana Bolognese
CCR Nova Dutra- Ana Amélia Andrade

Feijoada e pagode neste sábado em prol de Bruno

Acontece neste sábado, 13/07 a 1ª Feijoada em prol do menino Bruno de Lorena/SP.
O evento promovido para custear tratamento da criança, portadora de uma síndrome rara, conta com animação de Elder Castro, da partir das 13h  até às 16h30 no Engenho no Clube Comercial.
O ingresso custa R$20,00 reais, havendo a venda também de cervejas.
O CCL fica localizado na praça Geraldo Prudente Aquino, região central. #vistaessacausa

12 de jul de 2018

Menores de idade são flagrados no tráfico

Em duas ocorrências em bairros distintos, ambas na quarta-feira, 11/07, dois menores de idade, sendo um deles uma menina, foram apreendidos por policiais militares da 1° companhia de Lorena-SP.
No fim de tarde,  durante patrulhamento ROCAM pela Av. Lorena,  CECAP ALTA, depararam com uma adolescente sentada em um aparelho de ginástica ao ar livre. Que ao avistar a PM demonstrou inquietação, mudando sua atitude, levantou e saiu apressadamente deixando cair um saco plástico transparente, o que motivou a suspeita. Abordada, verificado o conteúdo do saco que deixou cair foram localizados 3 pinos de cor amarela contendo cocaína.
Vistoriado aparelho de ginástica onde estava, foram localizados mais 33 pinos amarelos contendo cocaína acondicionados em saco plástico transparente indênticos ao que a adolescente havia dispensado. Diante disto foi dado voz de apreensão e conduzida ao plantão policial, onde após Delegado tomar ciência do ocorrido deliberou por ratificar a voz de apreensão, elaborou auto de Ato Infracional análogo ao tráfico de entorpecentes, liberando a adolescente á sua genitora que compareceu ao plantão policial.
Pelo bairro da Cabelinha, durante Operação Saturação no local, ao acessar a Praça da Figueira, um  adolescente ao visualizar as viaturas tentou se evadir porém foi alcançado e abordado.
Em busca pessoal foi encontrado em seu poder 8 pinos de cocaína e R$ 70,00 em dinheiro.
Diante dos fatos foi dado voz de prisão, sendo apreendido e apresentado no DP onde foi confeccionado o BOPC de Ato Infracional de Tráfico de drogas, sendo o sindicado liberado posteriormente.

4 de jul de 2018

MedioTec oferece 40 vagas para Lorena; jovem tem bolsa-auxílio e formação técnica

Reprodução- Ministério da Educação


Alunos matriculados na 2ª série do Ensino Médio na rede estadual de São Paulo têm até esta sexta-feira, 06/07 para concorrer a uma das 1.465 vagas do programa MedioTec.
Os cursos técnicos profissionalizantes são ofertados no contraturno em unidades do Centro Paula Souza distribuídas em 26 municípios.
As inscrições são online em link exclusivo no Portal da Educação (clique ao lado). Todos os aprovados recebem bolsa-auxílio mensal de R$ 200.
Financiado pelo Ministério da Educação (MEC), o MedioTec tem foco nos jovens de baixa renda. Nesta edição foram abertas oportunidades em nove diferentes cursos: Açúcar e Álcool; Administração; Cozinha; Desenvolvimento de Sistema; Florestas; Logística; Nutrição e Dietética; Programação de Jogos Digitais; e Secretariado.
A Secretaria da Educação e o Centro Paula Souza estabeleceram três critérios de seleção e classificação: candidatos beneficiários de programas sociais, bom rendimento em Língua Portuguesa e Matemática na 1ª série do Ensino Médio em 2017; e frequência. Alunos que cursaram o Ensino Fundamental – Anos Finais (6º ao 9º ano ou 5ª a 8ª série) integralmente em rede pública também terão preferência no preenchimento das vagas.

Lorena
Contemplada com o programa, a cidade conta com 40 vagas para curso na área de Administração, que será ministrado na Etec Padre Carlos Leôncio Da Silva.

Região
Pindamonhangaba, Jacareí e São José dos Campos foram as únicas cidades que também foram contempladas

Com colaboração: Secretaria da Educação do Estado de São Paulo - Assessoria de Comunicação e Imprensa
imagem: Ministério da Educação- Governo Federal

3 de jul de 2018

Homem atropela criança e mãe após mal súbito

Um motorista de quarenta e um anos com uma crise de hipoglicemia (queda nível açúcar no sangue) provocou um acidente envolvendo uma criança de onze meses e sua mãe na tarde de segunda-feira, 25/06 no bairro Parque Rodovias em Lorena/SP.
De acordo com informações, por volta das 16h45, o rapaz dirigia seu veículo pela rua João Augusto de Lima, quando veio a passar mal e colidir com uma bicicleta com as duas vítimas, sendo mãe e filho, provocando queda de ambos e um pequeno hematoma na testa da criança.
Polícia Militar foi acionada para a ocorrência, pois populares notaram que o rapaz não estaria em seu estado normal, a princípio aparentando embriaguez e queriam agredi-lo. Corpo de Bombeiros foi também acionado, socorrendo envolvidos.
A Polícia Militar Rodoviária, que estava próxima ao local na SP 62- Rodovia Oswaldo Ortiz Monteiro, estrada velha Lorena-Cachoeira Paulista, foi acionada para fazer o teste do bafômetro, que foi realizado e não foi constatado álcool no seu sangue, com resultado de 0,00mg/L, ou seja, negativo.
O homem com seu estado de saúde piorando e diante dos fatos, foi encaminhado ao Pronto Socorro da Santa Casa de Misericórdia de Lorena onde foi atendido com pressão alta e grave queda glicose, o pode levar à morte.
Todos os envolvidos foram posteriormente medicados e passam bem.
Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, os sintomas deste problema são a tontura ou vertigem, visão embaçada, confusão mental e delírio, falta de coordenação motora, entre outros, que podem ser confundidos com uma pessoa bêbada, embriagada.


2 de jul de 2018

Tênis de Mesa de Lorena é a 1ª equipe do Vale apoiada pelo SESI-SP visando alto rendimento esportivo

Com o Programa Atletas do Futuro (PAF), o SESI-SP já beneficia milhares de crianças e jovens em todo o Vale do Paraíba, inclusive em Lorena.
Mas o convênio de alto rendimento esportivo com a MATOSTT de Tênis de Mesa, lançado na manhã desta sexta-feira, 29 de junho, é inédito. É a primeira vez que um convênio deste tipo é firmado na região. Foi o que afirmou o superintendente do SESI-SP, Alexandre Ribeiro Meyer Pflug.
“Ano passado, quando o Paulo Skaf veio a Lorena assinar o PAF, fomos apresentados ao projeto MATOSTT. Quando vimos o tamanho das instalações, a estrutura que já existia, ficamos impressionados. E neste dia, além do Atletas do Futuro, ficou decidido que investiríamos em treinamento esportivo de Tênis de Mesa em Lorena, até se tornar uma equipe de alto rendimento. E é isso que estamos fazendo aqui hoje: lançando um projeto de alto rendimento”, explicou Alexandre, em coletiva à imprensa no Centro Nacional de Tênis de Mesa, nas dependências do Colégio Delta.
Para o idealizador e supervisor da MATOSTT, professor Fábio Matos, este é um momento ímpar na história do Tênis de Mesa e do esporte lorenense. “Nosso projeto nasceu há 15 anos e, ao longo dessa jornada, já formamos inúmeros campeões no esporte e preparamos cidadãos para a vida. Ampliar essa estrutura, que é o que está acontecendo hoje, vai possibilitar que alcancemos ainda mais pessoas de todas as idades. Estou muito feliz e grato, tanto aos parceiros que sempre apoiaram a MATOSTT, quanto ao SESI-SP, pela confiança e por nos proporcionar essa oportunidade de crescimento. É o que eu sempre falo: nós podemos fazer a diferença na vida das pessoas, mas para isso, não podemos nunca deixar de acreditar”, considerou.

Fotografia: Divulgação
Impacto na vida dos atletas
Na prática, o convênio de Cooperação Técnica vai possibilitar mais estrutura à equipe que representa Lorena nas competições de Tênis de Mesa, em nível estadual, nacional e até internacional. “A partir de agora, a MATOSTT vai poder contar com toda a logística do SESI-SP. Inscrições, viagens, uniformes, ficarão sob a responsabilidade do SESI. Além disso, também estamos contratando um treinador, para trabalhar com um dos pontos principais para o SESI: as categorias de base, com aulas sempre gratuitas, com visão de formação, revelando talentos para o futuro”, destacou o superintendente Alexandre, que também afirmou que sua expectativa, com a nova parceria, é a melhor possível.
“Nossos objetivos nunca são de resultado pelo resultado. Nós investimos na formação, mas tirar o jovem do computador, hoje, é complicado. A gente sabe que a concorrência é desleal, com redes sociais, WhatsApp, Facebook... São fatores que contribuem para manter o jovem longe das quadras e dos esportes. Dentro desse contexto, não há motivação melhor do que possibilitar a participação em jogos, competições... porque só frequentar as aulas desmotiva os jovens”, acredita.
Questionado pela imprensa sobre o prazo, Alexandre disse que os convênios do SESI-SP têm um ano, mas são sempre renovados. “Nunca vi um convênio do SESI-SP ser interrompido nos últimos anos. E pelo contrário, a ideia é ampliar, tornar essa parceria com a MATOSTT duradoura e crescente, começando nas categorias de base e avançando até chegar na categoria adulta, sendo referência não só para o São Paulo, mas para o País como um todo”.


Breve solenidade
No bate papo com a imprensa e na breve solenidade de lançamento do convênio de Cooperação Técnica, estiveram presentes o prefeito Fábio Marcondes; a vice-prefeita Marietta Bartelega; o vereador Cleber Maravilha; o diretor de Esportes de Lorena, Evandson Santos (representando a secretária de Esportes do Município, Vera Silva); o diretor de Esportes do SESI-SP, Eduardo Carreiro; o diretor do SESI de Cruzeiro, Omar Augusto Miquinioty Junior; o diretor do SESI de São José dos Campos, Carlos Frederico D´Ávila de Brito; a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Sol Bert; o presidente do Sincomerciários Lorena, Luiz Alfredo Gervásio Pereira; a representante do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e do Provim (Programa Salesiano Vida Melhor), professora Vanessa Vieira; o presidente do Clube Comercial de Lorena, Renato Marton; o fundador do Colégio Delta, Juracy de Paula Lico; alunos do SESI de Lorena, do Provim e da MATOSTT; grandes nomes do esporte lorenense; veículos da imprensa local e regional; além de amigos e familiares dos integrantes da MATOSTT.

Fotografia: divulgação

Fotografia- Divulgação

Nova unidade do SESI na cidade
Em suas considerações, a vice-prefeita Marietta Bartelega lembrou também o investimento de mais de R$ 13 milhões que o SESI-SP fará em Lorena. A ordem de serviço para início da construção da nova unidade do SESI na cidade já foi dada e as obras devem ter início nas próximas semanas, com previsão de finalização em cerca de um ano.
No total, serão 6.218,60 m2 de área construída na rua Epitácio Santiago (rua do Fórum), região central de Lorena. Avaliado em cerca de R$ 2.740.000,00 (dois milhões setecentos e quarenta mil reais) na época da doação, o terreno tem cerca de 20 mil m² e foi doado para a Prefeitura no ano de 2012, pela família de Marietta Bartelega e, em 2014, doado pela Prefeitura para o Sesi.
“Quem é aluno ou familiar de aluno do SESI sabe da importância que investimentos como esses têm para a formação, tanto de construção da nova escola quanto de incentivo a projetos esportivos”, afirmou a vice-prefeita, também presidente do Fundo Social de Solidariedade da cidade.

Após a solenidade, foi realizada Oficina de Tênis de Mesa para os interessados presentes. A comitiva do SESI-SP seguiu para São José dos Campos, onde assinaria, na tarde desta sexta-feira, o segundo convênio de Cooperação Técnica de alto rendimento esportivo do Vale do Paraíba, com a equipe de Rugby joseense.

Fotografia- Divulgação


MATOSTT – Tênis de Mesa
Em Lorena, o Tênis de Mesa pode ser praticado gratuitamente no Centro Nacional de Tênis de Mesa. “Para participar, não é necessária fazer inscrição prévia. Só chegar e experimentar”, explica o prof. Fábio Matos. “A partir dos 5 anos, recebemos alunos de todas as idades. E pra frequentar regularmente as aulas, só precisamos de uma foto 3x4, xerox do RG ou certidão de nascimento e atestado médico”, orienta o professor.

Aulas às segundas, quartas e sextas:
- Das 17h às 18h - Iniciação (idade: livre)
- Das 18h às 19h - Iniciação (idade: livre)
- Das 19h às 20h - Iniciação (idade: livre)
- Das 20h às 22h – Avançados (equipe de competição)


MATOSTT: mais que um esporte, um projeto de vida!
De 2003 (quando nasceu a MATOSTT) até hoje, mais de 3 mil pessoas participaram do projeto, com inúmeras conquistas de títulos para a cidade, tanto em nível regional quanto estadual, nacional e até internacional.
Completando o 15º ano de história, é a equipe MATOSTT quem representa Lorena em todas as competições da modalidade. E graças a este projeto, a cidade tem hoje o único Centro Nacional de Tênis de Mesa do Vale do Paraíba.
O projeto MATOSTT é mais que um incentivo ao esporte. É um trabalho social reconhecido e com resultados expressivos, inclusive oferecendo bolsas de estudo aos atletas que se destacam.


Apoiadores da MATOSTT, ao longo de 15 anos de história:
Academia ACY Brothers
Anglo Lorena
Clube Comercial de Lorena
Colégio Delta
DuEsportes
Fecomerciários
Grupo Protemed
Jornal Vale Vivo
Madeireira Pinhal
Portal de Notícias O Lorenense
Prefeitura de Lorena
Psicóloga Maria Fernanda
Sincomerciários Lorena
Valgroup
Velloznet
Yázigi Lorena


Com colaboração e fotografias: Assessoria de Imprensa  MATOSTT Tênis de Mesa - Graziela Staut
/body