7 de out de 2010

Vacinação contra raiva em cães gatos está suspensa em todo o país

A polêmica está no ar.
A tal campanha de vacinação com cães e gatos, que acontece a cada  6 meses está suspensa após relatos,  de que animais vacinados estariam tendo reações adversas e até a mort, a após a aplicação da vacina.
Hoje, 07 de outubro, o Ministério da Agricultura, decidiu suspender em todo o país a campanha, após testes realizados com cobaias, indicaram a ocorrência de efeitos que até então desconhecidos anteriormente. Entre os efeitos observados estão hemorragia, dificuldade de locomoção, hipersensibilidade de contato e intensa prostração.
Do dia 12 de agosto a 6 de outubro, doze Estados notificaram  1.401 eventos graves envolvendo animais --com 217 mortes. Bom, isso oficialmente.
"A vacina que está sendo analisada é a RAI-PET, produzida pelo laboratório Biovet, que desde 2003 tem registro no Ministério da Agricultura --responsável pela realização de testes de qualidade nas vacinas utilizadas em animais. Para a campanha de vacinação antirrábica em cães e gatos de 2010, o Ministério da Saúde comprou 30,9 milhões de doses da vacina, por R$ 23,4 milhões" afirma um portal.
A vacina utilizada até o ano passado --Fuenzalida & Palacios--, assegurava proteção durante seis a sete meses. Ela foi trocada, de acordo com a Saúde, para que fosse feita apenas uma campanha anual.
Resumindo: seria um ato para economizar e a conta acabou saindo caro demais?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog de Notícias com finalidade de divulgar a cidade de Lorena-SP.
Agradecemos sua visita e se assim desejar, deixe seu comentário.