2 de jul de 2018

Tênis de Mesa de Lorena é a 1ª equipe do Vale apoiada pelo SESI-SP visando alto rendimento esportivo

Com o Programa Atletas do Futuro (PAF), o SESI-SP já beneficia milhares de crianças e jovens em todo o Vale do Paraíba, inclusive em Lorena.
Mas o convênio de alto rendimento esportivo com a MATOSTT de Tênis de Mesa, lançado na manhã desta sexta-feira, 29 de junho, é inédito. É a primeira vez que um convênio deste tipo é firmado na região. Foi o que afirmou o superintendente do SESI-SP, Alexandre Ribeiro Meyer Pflug.
“Ano passado, quando o Paulo Skaf veio a Lorena assinar o PAF, fomos apresentados ao projeto MATOSTT. Quando vimos o tamanho das instalações, a estrutura que já existia, ficamos impressionados. E neste dia, além do Atletas do Futuro, ficou decidido que investiríamos em treinamento esportivo de Tênis de Mesa em Lorena, até se tornar uma equipe de alto rendimento. E é isso que estamos fazendo aqui hoje: lançando um projeto de alto rendimento”, explicou Alexandre, em coletiva à imprensa no Centro Nacional de Tênis de Mesa, nas dependências do Colégio Delta.
Para o idealizador e supervisor da MATOSTT, professor Fábio Matos, este é um momento ímpar na história do Tênis de Mesa e do esporte lorenense. “Nosso projeto nasceu há 15 anos e, ao longo dessa jornada, já formamos inúmeros campeões no esporte e preparamos cidadãos para a vida. Ampliar essa estrutura, que é o que está acontecendo hoje, vai possibilitar que alcancemos ainda mais pessoas de todas as idades. Estou muito feliz e grato, tanto aos parceiros que sempre apoiaram a MATOSTT, quanto ao SESI-SP, pela confiança e por nos proporcionar essa oportunidade de crescimento. É o que eu sempre falo: nós podemos fazer a diferença na vida das pessoas, mas para isso, não podemos nunca deixar de acreditar”, considerou.

Fotografia: Divulgação
Impacto na vida dos atletas
Na prática, o convênio de Cooperação Técnica vai possibilitar mais estrutura à equipe que representa Lorena nas competições de Tênis de Mesa, em nível estadual, nacional e até internacional. “A partir de agora, a MATOSTT vai poder contar com toda a logística do SESI-SP. Inscrições, viagens, uniformes, ficarão sob a responsabilidade do SESI. Além disso, também estamos contratando um treinador, para trabalhar com um dos pontos principais para o SESI: as categorias de base, com aulas sempre gratuitas, com visão de formação, revelando talentos para o futuro”, destacou o superintendente Alexandre, que também afirmou que sua expectativa, com a nova parceria, é a melhor possível.
“Nossos objetivos nunca são de resultado pelo resultado. Nós investimos na formação, mas tirar o jovem do computador, hoje, é complicado. A gente sabe que a concorrência é desleal, com redes sociais, WhatsApp, Facebook... São fatores que contribuem para manter o jovem longe das quadras e dos esportes. Dentro desse contexto, não há motivação melhor do que possibilitar a participação em jogos, competições... porque só frequentar as aulas desmotiva os jovens”, acredita.
Questionado pela imprensa sobre o prazo, Alexandre disse que os convênios do SESI-SP têm um ano, mas são sempre renovados. “Nunca vi um convênio do SESI-SP ser interrompido nos últimos anos. E pelo contrário, a ideia é ampliar, tornar essa parceria com a MATOSTT duradoura e crescente, começando nas categorias de base e avançando até chegar na categoria adulta, sendo referência não só para o São Paulo, mas para o País como um todo”.


Breve solenidade
No bate papo com a imprensa e na breve solenidade de lançamento do convênio de Cooperação Técnica, estiveram presentes o prefeito Fábio Marcondes; a vice-prefeita Marietta Bartelega; o vereador Cleber Maravilha; o diretor de Esportes de Lorena, Evandson Santos (representando a secretária de Esportes do Município, Vera Silva); o diretor de Esportes do SESI-SP, Eduardo Carreiro; o diretor do SESI de Cruzeiro, Omar Augusto Miquinioty Junior; o diretor do SESI de São José dos Campos, Carlos Frederico D´Ávila de Brito; a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Sol Bert; o presidente do Sincomerciários Lorena, Luiz Alfredo Gervásio Pereira; a representante do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e do Provim (Programa Salesiano Vida Melhor), professora Vanessa Vieira; o presidente do Clube Comercial de Lorena, Renato Marton; o fundador do Colégio Delta, Juracy de Paula Lico; alunos do SESI de Lorena, do Provim e da MATOSTT; grandes nomes do esporte lorenense; veículos da imprensa local e regional; além de amigos e familiares dos integrantes da MATOSTT.

Fotografia: divulgação

Fotografia- Divulgação

Nova unidade do SESI na cidade
Em suas considerações, a vice-prefeita Marietta Bartelega lembrou também o investimento de mais de R$ 13 milhões que o SESI-SP fará em Lorena. A ordem de serviço para início da construção da nova unidade do SESI na cidade já foi dada e as obras devem ter início nas próximas semanas, com previsão de finalização em cerca de um ano.
No total, serão 6.218,60 m2 de área construída na rua Epitácio Santiago (rua do Fórum), região central de Lorena. Avaliado em cerca de R$ 2.740.000,00 (dois milhões setecentos e quarenta mil reais) na época da doação, o terreno tem cerca de 20 mil m² e foi doado para a Prefeitura no ano de 2012, pela família de Marietta Bartelega e, em 2014, doado pela Prefeitura para o Sesi.
“Quem é aluno ou familiar de aluno do SESI sabe da importância que investimentos como esses têm para a formação, tanto de construção da nova escola quanto de incentivo a projetos esportivos”, afirmou a vice-prefeita, também presidente do Fundo Social de Solidariedade da cidade.

Após a solenidade, foi realizada Oficina de Tênis de Mesa para os interessados presentes. A comitiva do SESI-SP seguiu para São José dos Campos, onde assinaria, na tarde desta sexta-feira, o segundo convênio de Cooperação Técnica de alto rendimento esportivo do Vale do Paraíba, com a equipe de Rugby joseense.

Fotografia- Divulgação


MATOSTT – Tênis de Mesa
Em Lorena, o Tênis de Mesa pode ser praticado gratuitamente no Centro Nacional de Tênis de Mesa. “Para participar, não é necessária fazer inscrição prévia. Só chegar e experimentar”, explica o prof. Fábio Matos. “A partir dos 5 anos, recebemos alunos de todas as idades. E pra frequentar regularmente as aulas, só precisamos de uma foto 3x4, xerox do RG ou certidão de nascimento e atestado médico”, orienta o professor.

Aulas às segundas, quartas e sextas:
- Das 17h às 18h - Iniciação (idade: livre)
- Das 18h às 19h - Iniciação (idade: livre)
- Das 19h às 20h - Iniciação (idade: livre)
- Das 20h às 22h – Avançados (equipe de competição)


MATOSTT: mais que um esporte, um projeto de vida!
De 2003 (quando nasceu a MATOSTT) até hoje, mais de 3 mil pessoas participaram do projeto, com inúmeras conquistas de títulos para a cidade, tanto em nível regional quanto estadual, nacional e até internacional.
Completando o 15º ano de história, é a equipe MATOSTT quem representa Lorena em todas as competições da modalidade. E graças a este projeto, a cidade tem hoje o único Centro Nacional de Tênis de Mesa do Vale do Paraíba.
O projeto MATOSTT é mais que um incentivo ao esporte. É um trabalho social reconhecido e com resultados expressivos, inclusive oferecendo bolsas de estudo aos atletas que se destacam.


Apoiadores da MATOSTT, ao longo de 15 anos de história:
Academia ACY Brothers
Anglo Lorena
Clube Comercial de Lorena
Colégio Delta
DuEsportes
Fecomerciários
Grupo Protemed
Jornal Vale Vivo
Madeireira Pinhal
Portal de Notícias O Lorenense
Prefeitura de Lorena
Psicóloga Maria Fernanda
Sincomerciários Lorena
Valgroup
Velloznet
Yázigi Lorena


Com colaboração e fotografias: Assessoria de Imprensa  MATOSTT Tênis de Mesa - Graziela Staut

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Blog de Notícias com finalidade de divulgar a cidade de Lorena-SP.
Agradecemos sua visita e se assim desejar, deixe seu comentário.

/body