10 de fev de 2011

Epidemia de dengue é iminente em Lorena apontam especialistas

Uma epidemia de dengue, ou seja, uma proliferação generalizada da doença é iminente em Lorena-SP segundo médicos e especialistas.
Este é o assunto que circula na cidade, após um audiência pública sobre Saúde realizada no plenário da Câmara Municipal na segunda-feira, 07/02, noticiada aqui pelo LORENA EM FOCO.
Foi também muito discutido na sessão de Câmara, no mesmo dia, algumas horas depois.
A vereadora Dra. Lorane Bustamante (PTB), da situação de governo, revelou que a cidade está infestada pelo mosquito Aedes Aegipti onde a previsão é de até 800 pessoas infectadas , sendo atualmente 11 casos confirmados e 59 exames aguardando resultados. Ela firma que esteve em São José dos Campos-SP, onde participou em evento sobre assunto, e que o números não são animadores: a previsão pode aumentar até três vezes mais. O bairro da CECAP, tanto baixa como a Alta, registram os maiores números de casos de dengue, e enfrentam também problemas com escorpiões.
Pela região, estimas-e que Piquete possa ter 200 casos e Canas-SP, 50.
A dengue é uma vírus transmitido por um mosquito que pica várias pessoas sendo sua a transmissão rápida, infecciosa,causando febre (geralmente três dias), dor no corpo, atras dos olhos, dor de cabeça, onde o contaminado fica na cama com muita dor, manchar vermelhas ou pintas, além de um gosto amargo na boca, ou seja, mal estar geral,
Existindo 4 tipos, além de quem contamiar-se com um tipo, os organismo após defender-se acaba gerando anticorpos para este. Na segunda contaminação, aparece a chamada dengue hemorrágica, mais grave, onde os vaos sanguineos são danificados.
Quem possuir estes sintomas deve procurar o Pronto Socorro da Santa Casa, postos do PSF( Programa Saúde da Família) e unidades de saúde.
Os principais acometidos chamados grupo de risco são- crianças nao sabem relatar os sintomas, correm risco maior, idosos, hipertensos diabéticos, e pessoas que ingerem remédios para coagulação.
Os lideres de comunidades devem ajudar a fazer o casa a casa, a sua rua, tirar salcola plastica, empossar agua, vaso de planta, terreno baldio, lixo com água acumula.

Descaso ou descuido?
O vereador Valdemir Vieira- Mafu (PV) cobrou sobre o fechamento do PSF da Vila Hepacaré, onde os agentes de saúde visitavam as residências onde no decorrer do trabalho, entre outras atribuições faziam o trabalho de fiscalização e conscientização frente aos moradores.
O vereador Dr. Martinho Gomes (PV), disse que o fechamento dos PSF , em alguns pontos da cidade, foram uma economia "porca", onde deveria-se acabar com contratos de firmas terceirizadas que prestam serviço à cidade, e não corte na pasta de Saúde.

Medidas realizadas pela Prefeitura
A secretaria de saúde vai aumentar o número de pessoal assim como adicionar os funcionários municipais do setor da Garagem.
Como previsão, não haverá leitos para internação de todos os pacientes.
Está sendo verificado a compra de cadeiras especiais,  com intuito de ser usadas para medicação e posterior liberação do paciente.
Mutirões de limpeza estão sendo realizados pelos bairros, com a capina em terrenos baldios.
Assim como carro de som rodando pela cidade com um jingle ao estilo hip hop.


Formas de prevenção
A melhor e uma das formas é combater o mosquito, desde a sua criação, na fase de larva.
Não deixer água parada, estocada, poças, ralos.
Manter todas as janelas com telas de proteção.
Tampar caixas d'água, poços artesianos e afins.
Limpar calhas e canaletas.
Garrafas de vidro devem ser colocadas de cabeça para baixo
Cobrir pneus vazios.
Colocar areia grossa nos pratos de água das plantas
Lavar com escova e ssabão, tambores que armazenam água
tampar lixo e ter atenção com os recicláveis

Denunciar
No combate a dengue  todos temos que tomar simples medidas e fiscalizar nossos vizinhos parentes.
Sobre terrenos abandonados, a recomendação é denunciar para a Ouvidoria Municipal para que as medidas sejam tomadas, assim como demais problemas.
A ouvidoria tem como principal função ouvir e acolher reclamações, denúncias, sugestões, bem como apurá-las e encaminha-las, solicitando esclarecimento e tomando as providências cabíveis. O órgão procura corrigir erros, omissões e abusos, agilizando e garantindo a qualidade dos serviços prestados pela administração pública municipal.

Rua Comendador Custódio Vieira, 332, Centro (gabinete)
TELEFONE: Ligue Grátis, 0800-773-3288

Carro de Fumaça- fumacê
O vereador Dr. Martinho (PSB) cobrou o executivo para o imediato emprego do carro de fumaça ou fumacê. Durante a sessão de Câmara, afirmou que este deveria ser usado até de madrugada, em todos os bairros, como medida de deter a epidemia.
Novamente, a vereadora Bustamante, rebateu dizendo que este deve ser usado em último caso, em casos críticos e que o Estado que fornece o veneno para o município.
Segundo ambientalistas, o carro da fumaça é extremamente danoso para o meio ambiente. O veneno está sendo cada vez mais forte, haja vista a evolução natural do inseto, na resistência do composto químico empregado.
Uma pesquisa em andamento pela USP (Universidade de São Paulo) pesquisadores estão estudando  que o mosquito está se reproduzinho também em água suja, água contendo até óleo e até salgada.
O carro da fumaça, com o veneno empregado mata vários insetos, até os necessários para o equilíbrio natual da fauna, como abelhas, borboletas entre outras.
O seu custo- benefício é pequeno, em relação ao prejuízo causado.

Saiba mais Vídeos

Excelente vídeo sobre ciclo de vida- completo


Dengues: clásica e hemorrágica

2 comentários:

  1. como cidadao lorenense,gostaria de agradecer aos vereadores e prefeito de lorena pelo desmanselo para com a cidade pela proliferaçao da dengue. que so agora toma providencias depois que a epidemia esta fora de controle,sera que essa atençao que os municipes esperam dos senhores.

    ResponderExcluir
  2. A/C Dr. Paulo Neme

    Está claro que as medidas adotadas para o controle da dengue na cidade de Lorena não estão trazendo resultados efetivos. Pergunto se o governo estadual já foi envolvido neste caso uma vez que foge do controle da prefeitura de Lorena.

    Quanto as medidas preventivas mencionadas pela prefeitura em seu site são eficazes desde que a epidemia não esteja instaurada. Não é o caso atual da cidade de Lorena. Uma vez em estado de epidemia, medidas alternativas como fumacê devem ser conduzidas para reduzir a situação de risco de forma imediata. A saúde dos cidadãos certamente deve prevalecer nas decisões ambientais adotadas.

    At.

    Marcos Omura

    ResponderExcluir

Blog de Notícias com finalidade de divulgar a cidade de Lorena-SP.
Agradecemos sua visita e se assim desejar, deixe seu comentário.